Artigos   

          MENSAGENS EDUCATIVAS POSITIVAS     

 

 

 

Prezado/a internauta

O artigo a seguir é para sua reflexão, artigo muito interessante para os que desejam realizar um melhor trabalho, visando melhores resultados. A publicação do artigo neste site foi autorizado por seu autor, pela qual agradeço. 

Antonio de Andrade 

               

 

                                                          ERRAR É UMA OPÇÃO

                                                 Autoria:  Paulo Ricardo Mubarack
                              Mubarack Consulting & Business School - www.mubarack.com.br



Determinismo é o princípio segundo o qual tudo no universo, até mesmo a vontade humana, está submetido a leis imutáveis e universais, de tal forma que o comportamento humano está totalmente predeterminado pela natureza, e o sentimento de liberdade não passa de uma ilusão subjetiva.

Embora eu compreenda perfeitamente que vivemos em um mundo de imperfeição, onde erros acontecem com freqüência, usar o princípio determinista “errar é humano”, como dizem os medíocres para aceitar passivamente o erro, é inaceitável.

Somos pagos pelas empresas para trabalhar duro e de maneira obstinada para diminuir continuamente a taxa de erros. Devemos ficar profundamente tristes e irritados quando erramos. Precisamos reagir quando erramos. Errar não é uma sina. Na maioria das vezes, é uma opção. Como disse-me o diretor de uma empresa cliente: “Mubarack, todo acidente é planejado”. Perfeito, concordo integralmente. Assim como ERRAR É UMA OPÇÃO. Quando não há preparo e treinamento suficientes para uma tarefa, o erro está sendo planejado. Quando uma empresa contrata um fornecedor de segunda categoria, quando não há estudo nem planejamento em uma organização, o erro é a opção escolhida pelos gestores. A culpa pelo erro é sempre de quem erra. Ao não se preparar, quem errou optou pelo erro. O fato de não querer errar simplesmente não serve para coisa alguma. Além de não querer errar, o executor de uma tarefa precisa preparar-se para não errar. Este preparo pode envolver centenas de horas de treinamento. Um gestor que realmente não aceita o erro deve ler pelo menos 20 páginas por dia, todos os dias, de material sobre seu trabalho e aplicar o que aprendeu no dia seguinte. Parece muito? Não interessa se é pouco ou muito, o que interessa é que o erro precisa ser evitado. Chorar, acusar os outros ou simplesmente pedir desculpas quando se erra não muda o estrago. Não podemos errar. A maioria dos erros nas empresas vem da falta de atitude, da falta de concentração no trabalho, da falta de ritmo, da falta de humildade, da falta de estudo, da falta de trabalho mais árduo. Ninguém jamais colheu o que não plantou.

Por que as pessoas erram?

1 – Falta de atenção:

- não levam a sério o trabalho;

- não estão preocupadas com o resultado do trabalho;

- não estão concentradas naquilo que fazem.

2 – Falta de conhecimento:

- não sabem exatamente o que querem fazer;

- não sabem exatamente o que fazer;

- não sabem o suficiente sobre o que estão fazendo.

3 – Falta de vontade:

- não têm interesse no que fazem;

- desconhecem o valor do próprio trabalho;

- estão acomodadas no trabalho diário.

Por isto, errar é uma opção. A opção dos perdedores.

Estudar detalhadamente cada erro, identificar suas causas, definir e implementar um plano de ação que aja sobre as causas e checar a eficácia do plano. É isto o que deve ser feito, além de demitir os que se contentam com os erros. TODO O ERRO PODE SER ELIMINADO. Este é um princípio simples e forte, que deve ser explicado para todos e posto em prática imediatamente em qualquer organização.


Paulo Ricardo Mubarack

mubarack@terra.com.br

www.mubarack.com.br

Tel. 0 51 81 82 71 12

 

    

        MENSAGENS EDUCATIVAS POSITIVAS