Material Didático: MOTIVAÇÃO (DE RECURSOS HUMANOS) NO TRABALHO
 

Toda organização, seja industrial, comércio, serviços ou administração pública, necessita que seus Recursos Humanos realizem os trabalhos com dedicação, cooperação, com qualidade e produtividade, visando levar a empresa para o atingimento, com êxito, de seus objetivos. Depois de muitos anos tendo atuado em empresas, orientando diretores e chefias, com as experiências adquiridas nessas atividades profissionais na área da Psicologia Industrial e/ou quando foi Consultor Organizacional e com pesquisas bibliográficas realizadas das principais Teorias sobre Motivação no Trabalho, o autor estruturou idéias sobre os principais conhecimentos necessários para dirigentes de empresas poderem planejar ações para motivar as pessoas no trabalho, objetivando melhores resultados organizacionais, um "clima humano" melhor e profissionais realizados com o trabalho.

O texto é uma Consultoria Escrita para profissionais de Recursos Humanos, Administradores, Psicólogos ou Consultores Organizacionais que desejem aprofundamento nesse tema de ações motivadoras em organizações. O texto tem referências bibliográficas.

O texto é publicado não em formato de livro, mas sim como material didático especial, com 169 páginas encadernadas em espiral (para facilitar o manuseio), em formato A4 21 x 29,7 cm. Não é vendida para livrarias ou distribuidores, mas tão somente e diretamente para o interessado, já que o material tem um sistema de registro de sua origem com sele em alto relevo e registro da Nota Fiscal para controle de possíveis cópias piratas. 

Custo / Investimento: O material custa R$ 150,00 incluso o custo da remessa pelos Correios via Sedex (no território nacional). O Custo x Benefício é grande pois a pessoa economizará tempo e recursos financeiros na busca de informações sobre esse tema, recebendo idéias e informações teóricas e práticas que poderão ser de grande utilidade no planejamento de ações motivadoras.

Como comprar: Click no botão "Comprar" ao lado e preencha o Formulário de Compra com seus dados e endereço completo com CEP. Ou envie esses dados para o e-mail opcao@editora-opcao.com.br . Quando seu pedido chegar, será informado poir e-mail de como realizar o depósito prévio do valor. Após seu depósito chegar, será emitida a Nota Fiscal e o material será enviado pelos Correios. Não trabalhamos com boleto bancário, NF para faturamento, venda a prazo, mas somente com depósito prévio.

SUMÁRIO/ Conteúdo:  

Definição de motivação. CAPÍTULO 1-PREMISSAS E IDÉIAS BÁSICAS SOBRE AMBIENTE E COMPORTAMENTO HUMANO NAS ORGANIZAÇÕES: Premissas; Idéias Básicas: 1 - Obtenção de resultados: Eficácia x Eficiência do chefe; 2 - Equilíbrio entre tradição e renovação; 3 - Mudanças; 4 - Autoritarismo, crise de “chefose”, medo; 5-Indicadores para mudanças: 5A-Clima tensional no ambiente de trabalho; 5B - Ausência de flexibilidade da administração e chefias; 5C-Objetivos indefinidos e conflitantes; 5D - Medo de assumir responsabilidades; 5E - Centralização excessiva; 5F-Feudos impenetráveis; 5G - Empresas Doentes X Empresas Saudáveis; 6 - A ação das chefias para motivar a equipe de trabalho; 6A - Comportamento da chefia; 6B -   Os 4 passos para um chefe motivar a equipe de trabalho: 1-Examinar as situações que requerem motivação; 2-Preparação de uma série de instrumentos motivadores; 3-Seleção e aplicação de planos de motivação; O Elogio como motivador; 4-Fazer o acompanhamento dos resultados; 7 - Regras fundamentais para o chefe executar a motivação da equipe: Regra 1-Mostrar interesse e ajudar; Regra 2-Levar em consideração os sentimentos de realização; Regra 3- Praticar os 10 mandamentos de um membro de grupo; Regra 4-Levar em conta o que os empregados necessitam saber; Regra 5-Saber o que realmente os empregados desejam do emprego; Regra 6-A compreensão do comportamento humano: 6A-Comportamento é causado; 6B-Questões sobre o comportamento humano; 6C-Motivos X Objetivos; 6D-Considerar os sentimentos; 6E- Considerar os sistemas de valores; 6F-Quem dá a motivação, quem é motivado, dispositivos e a situação; 8-Os motivadores financeiros; 9-Os motivadores não financeiros: 9.1-Motivadores individuais; 9.2-Motivadores de grupo; 9.3- Motivadores empresariais. CAPÍTULO 2-AS VÁRIAS TEORIAS MOTIVACIONAIS:  Teoria 1-A Teoria de Frederick  W. TAYLOR; Teoria 2-A Teoria de George Elton MAYO: A Cooperação; Hipótese da Ralé; Conceitos de Habilidades Técnica, Humana e Conceitual; Os “Hawthorne Experiment” - Os Estudos de Mayo; 1º Estudo de Mayo - Turn-over; 2º Estudo de Mayo - Western Eletric Company; 3º  Estudo de Mayo - Absenteísmo; 4º Estudo de Mayo -Absenteísmo e Turn-over. Teoria 3-A Teoria de Abraham MASLOW: Sociedade Eupsychian;1ª Generalização de Maslow: Carência, Gratificação e Necessidades;  Necessidades X Frustrações no trabalho; Reações Positivas à frustração; Reações Negativas à frustração:  Agressão; Regressão; Fixação; Resignação, Conformismo, Apatia; Negativismo e Teimosia; Repressão; Afastamento; Negação da Realidade; Projeção; Racionalização; Identificação; Deslocamento; Medo e Frustração: Encolhimento da personalidade; 2ª Generalização - As necessidades se organizam em nível de hierarquia: Necessidades Fisiológicas; Necessidades de Segurança; Necessidades Sociais; Necessidades de Ego/Estima: o Poder; Necessidades de Auto-Realização: Competência; Realização; Necessidades de Déficit e Desenvolvimento; As pessoas superiores com necessidades superiores; 3ª Generalização - A necessidade atendida deixa de ser ativa no comportamento; 4ª Generalização - Há conseqüências pelo não atendimento de uma necessidade; Motivação Intrínseca e Extrínseca; Teoria 4-A Teoria de Douglas McGREGOR: Teoria X; Teoria Y; Profecia do Suscetível; Profecia Auto-Realizável; Teoria 5-A Teoria de Chris ARGYRIS: As 7 mudanças para um indivíduo maduro; Gerência por Anarquia - Uma experiência; Teoria 6-A Teoria de Frederick HERZBERG: Os Fatores de Higiene; Os Fatores Motivadores; O Enriquecimento da Função; Teoria 7-A Teoria de Rensis LIKERT: Os 4 Sistemas Administrativos de Likert; Sistema 1-Autoritário Forte; Sistema 2-Autoritário Benevolente; Sistema 3-Participativo Consultivo; Sistema 4-Grupo Participante; As idéias de Likert em uma entrevista e debate; Teoria 8-A Teoria de David McCLELLAND: Motivo de Realização; Motivo de Associação; Motivo de Poder; Face Negativa do Poder; Face Positiva ou Socializada do Poder; As idéias de McClelland sobre Poder, Dependência e Gerenciamento Eficiente; Teoria 9-A força das altas expectativas do chefe - O Efeito Pigmaleão; Expectativas altas com alto desempenho e alta produtividade; A teoria dos 4 fatores: Clima humano; Feedback; Dados (Input); Resultados (Output); Características positivas do chefe ao agirem como Pigmaleão positivo; Os primeiros anos críticos do novo empregado no trabalho; A chave para o desempenho futuro do novo empregado; A desilusão do novo empregado e a rotatividade (Turn-over); A seleção apurada; A atitude como Pigmaleão positivo e o impacto na produtividade; A Profecia Auto-Realizadora; O padrão de insucesso; O poder das expectativas; As ilusões comuns; Os sonhos impossíveis; O segredo no desenvolvimento dos talentos dos subordinados; Teoria 10-A Teoria de Victor Vroom; Teoria 11-A Administração por Objetivos, o Conflito ou União indivíduos X Organização e o Contrato Psicológico; O fator de sobrevivência da empresa; Chefe Eficaz X Chefe Eficiente; Realização positiva dos objetivos da empresa; Realização negativa; O Contrato Psicológico entre o Indivíduo e a Organização; Teoria 12-A Teoria Z; Teoria 13-Os CCQ - Círculos de Controle de Qualidade. CAPÍTULO 3 - MODELO PRÁTICO DE PESQUISA E ANÁLISE MOTIVACIONAL desenvolvida pelo autor;  Fábula Moderna, Charge: A motivação do servidor do cafezinho da diretoria.


 



 

 

 

 

 

 

 

Comprar este livro

Clique nesse botão para abrir o Formulário de Compra

    Em Registro na Biblioteca Nacional

 

 


Home